Página inicial > Histórias de Sucesso
Histórias de Sucesso

Histórias de Sucesso

 

ANA MARQUES,

COLESTEROL ANTES: >> 252 COLESTEROL DEPOIS: 227


''Através da minha médica de família fui fazer análises clínicas.My schedule is always really hectic but despite this I like to keep an eye on my cholesterol level.

Estava tudo bem menos os valores do colesterol, que estavam demasiado elevados.Mentalizei-me que tinha de mudar os meus hábitos, não só na alimentação mas também a nível físico

Agora faço caminhadas, o que me faz bem à saúde e também à mente.

Passei a usar becel pro-activ nas minhas torradas e ao lanche já não dispenso o meu iogurte Becel. Também para cozinhar, agora uso a becel cozinha líquida que, além de saudável, é muito prática.

Passei a comer mais vezes por dia e em menos quantidade. Entretanto, voltei a fazer análises e consegui reduzir o valor do colesterol, o que me deixou satisfeita e, claro, orgulhosa de mim.

Agora que comecei com Becel, já não vou parar.

Posso dizer que com força de vontade, persistência, perseverança e com o apoio de toda a família, é possível mudar e é possível viver sem medos.''

 

ANA MARTINHO,

COLESTEROL ANTES: 219 >> COLESTEROL DEPOIS: 192


''No final do ano passado fiz análises e o nível de colesterol era 219. O médico puxou-me as orelhas e disse-me que teria de mudar alguns hábitos.

No princípio confesso que foi muito difícil. A alimentação, passou a ser mais saudável: sem fritos, mais grelhados, frutas e muitos legumes.

Mas o mais difícil foi passar a fazer exercício. Só agora, depois de muita persistência, é que consigo correr sem parar e sem ficar ofegante.

Também passei a usar Becel pro-activ creme vegetal para barrar as torradinhas pela manhã e adoro temperar a comida com a Becel cozinha liquida.

Fica com um sabor espetacular!

Sinto-me muito mais saudável e o meu colesterol desceu para 192 graças à mudança de alguns hábitos e graças à Becel pro-activ como aliada.''

 

DIANA SANTOS,

COLESTEROL ANTES: 196 >> COLESTEROL DEPOIS: 180


''Quando iniciei este programa o meu nível de colesterol estava nos 196, tendo o mesmo reduzido (no final do programa) para 180.

Fiquei estupefacta com a eficácia do programa corresponder ao previamente prometido pela marca.

Foi também crucial introduzir os alimentos constantes no programa em substituição dos que ingeria anteriormente.

Sinto-me com mais energia para praticar desporto, com as dores de estômago reduzidas quase a zero e com vontade de melhorar progressivamente no que respeita a uma vida saudável.

Obrigada Becel!''

 

EMANUEL CARVALHO,

COLESTEROL ANTES: 216 >> COLESTEROL DEPOIS: 187


''Nunca tive o colesterol elevado e muito menos pensei que, não sendo gordo, poderia ter o colesterol mais elevado. Ainda sou muito novo para me deixar ficar sem fazer nada por mim.

Quero ser saudável! Por isso, aceitei o desafio de redução do Colesterol.

Após as 3 semanas de recomeçar a correr (não praticava desporto desde a escola secundária) e a faz

Mas, a ajuda de Becel foi essencial e continuará a ser a minha "companheira" para um estilo de vida mais saudável!''

 

ESTELA LOURENÇO,

COLESTEROL ANTES: 205 >> COLESTEROL DEPOIS: 185


''Tudo começou com um súbito derrame num olho, que me levou a fazer análises para encontrar uma possível causa. Nessas mesmas análises, descobri que tinha o nível de colesterol um pouco alto, o que me levou a transformar o meu modo de vida.

hora de preparar as refeições. Posso dizer que me sinto muito satisfeita com estas mudanças, com muito mais energia e vitalidade!

O meu colesterol tinha um valor inicial de 205 e no final das três semanas o valor baixou para 185. Achei incrível como umas simples mudanças na alimentação tiveram uma influência tão grande no valor do colesterol.

O engraçado, é que fiquei fã da marca e agora uso praticamente toda a gama!

Aproveito também para recomendar a todos os familiares, amigos e colegas que usem Becel para um estilo de vida muito saudável e muito saboroso.''

 

MARIA HELENA,

COLESTEROL ANTES: 290 >> COLESTEROL DEPOIS: 178


''No início deste ano, mais precisamente em finais de janeiro, foram-me solicitadas pelo meu médico, análises ao sangue. O resultado da análise ao colesterol foi terrível e nem fazia ideia do mesmo, sentia-me bem.

Alterei a minha dieta alimentar ao pequeno-almoço e não só, mas refiro essencialmente o pequeno-almoço, porque adoro manteiga e, ao contrário da maioria das pessoas, como manteiga com pão.

Mudei da manteiga para a Becel pro-activ e à dois meses atrás repeti a análise ao colesterol. Para o meu espanto, reduziu significativamente.

Atenção: Não tinha por hábito, acreditar nos anúncios publicitários. Hoje penso de outra forma!

Obrigada Becel.''

 

MARIANA VIEIRA,

COLESTEROL ANTES: 220 >> COLESTEROL DEPOIS: 180


''Estava realmente preocupada com a minha saúde e com o meu colesterol elevado. Para além disso, o desafio era interessante e queria ver com os meus próprios olhos se funcionava.

O meu colesterol reduziu de uma forma muito eficaz, o que me fez sentir muito mais saudável e mais feliz.

Associado ao consumo de leite e creme vegetal Becel, comecei a fazer exercício físico, a sair de casa e juntei-me a um grupo de ginástica.

Comecei a conviver mais com gente positiva e mais saudável. Becel pro.activ mudou a minha vida, tanto na redução do colesterol, como na minha saúde mental!''

 

MARTA PINTO,

COLESTEROL ANTES: 134 >> COLESTEROL DEPOIS: 145


''Adoro pão e adoro pão com manteiga. Mas hoje, grávida de uma menina, decidi que o que tenho que adorar é viver saudável, para adorar a minha filha.

Por isso, aceitei o desafio de, pelo menos, reduzir os riscos de aumentar o colesterol com a Becel pro.activ!!

Passaram 3 semanas do desafio da redução do colesterol e continuo a adorar o pão com manteiga.

Continuo a comê-lo, mas sinto que o sangue que circula agora em mim e na bebé - que já vive há 6 meses e continua a crescer na minha barriga - está muito leve e "activ"!?''

 

MÓNICA,

COLESTEROL ANTES: 233 >> COLESTEROL DEPOIS: 198


''Vou contar-vos apenas uma história… a minha história!

Tive 2 filhas em 2 anos e deixei de ter tempo para mim e para as minhas coisas pessoais… tinha uma família, duas crianças para cuidar, muito pouco tempo e o “meu mundo” a girar em volta delas, especialmente, em volta das minhas duas princesas. Quando me diziam que tinha que pensar também um pouco em mim, dizia sempre que não tinha tempo para isso, pois elas estariam sempre em primeiro lugar, independentemente das minhas necessidades. Tudo era feito e tratado em função das minhas filhas. Até que um dia olhei para o espelho e vi o que até aí não queria ver. Disse para comigo: “Assim não podes continuar… Tens que parar e pensar um pouco em ti!”

Marquei uma consulta no nutricionista. Foi o primeiro grande passo.

Na primeira consulta fui confrontada com o meu excesso de peso.

A minha vida estava em risco e não podia ser. Tinha duas filhas para cuidar. Tinha agora que pensar primeiro em mim, porque só assim lhes poderia, de alguma forma, garantir que estaria saudável ao lado delas e para elas.

Até então, não tinha o exercício físico como sendo um hábito de saúde importante na minha vida. Comecei a fazer exercício físico regularmente. A fazer caminhadas, a frequentar o ginásio, a fazer aulas de grupo, mesmo sendo a pior aluna do professor. Sim!! Era mesmo a pior!! Quando todos iam para a esquerda eu ia para a direita, quando iam para a frente eu ia para trás!! Mas divertia-me tanto, mas tanto, que não deixava de ir... Passava as aulas a rir da minha própria figura. Quem estivesse de fora ainda se devia divertir mais!! Mas não fazia mal! Saía das aulas tão cansada que não sabia se me doía o corpo de tanto rir ou do exercício físico.

Comecei a achar algum interesse nas aulas de Cycling. A aula devia ser tão gira pois, no ginásio, todos “lutavam” para ter um lugar numa das bicicletas. Ohh… como eu achava que aquelas aulas deveriam ser difíceis. Ali só deviam estar os gurus do ginásio, onde eu nunca me iria incluir. Nunca me passando pela cabeça que me tornaria uma adepta de tal desporto. Sentia que era uma modalidade totalmente impossível para mim. Nunca estaria preparada fisicamente para o praticar. Não foi o que aconteceu… Tornei-me numa verdadeira viciada em Cycling. De tal forma que, quando acordava, tinha pena de só poder ter a minha aula ao fim da tarde.

Entretanto, entrei no Curso de Terapias Assistidas com Animais (TAA) e arranjei a minha Maggie, a minha primeira Golden Retriever. O animal mais doce, mais equilibrado, mais querido e inteligente que conheço. Comecei a fazer treino de obediência básica canina quase todos, os dias. Assim ambas fazíamos, e continuamos a fazer, exercício físico e, dessa forma, críamos um vínculo muito especial, fazendo vários passeios, caminhadas e bastantes treinos na praia.

Tinha perdido peso e sentia-me verdadeiramente bem, achando que estava em boa forma física. Entretanto, fui aconselhada pela minha nutricionista ver como estavam os meus valores de colesterol. Tal não foi o meu espanto quando vi que os valores de colesterol estavam muito acima dos valores considerados “normais”. Ela aconselhou-me a iniciar o meu programa de 3 semanas com os iogurtes da Becel. Não tinha nada a perder. Só tinha que beber os meus iogurtes todos os dias durante 3 semanas. E mesmo eu não sendo adepta de iogurtes líquidos era muito fácil beber Becel pro.activ. Tinham um sabor muito agradável. Não foi nenhum sacrifício, até mesmo para mim. Já fazia, ou tentava fazer, diariamente uma alimentação saudável (evitando fritos, gorduras, doces...) Só tinha de continuar.

Tornou-se quase religioso. Era uma questão pessoal. Tinha já ultrapassado tantos obstáculos, não me iria render a este. Coloquei o alarme do meu telemóvel para tocar todos os dias às 5h da tarde. Conhecendo-me sabia que se não o fizesse iria esquecer-me ou iria estar muito ocupada e nem sequer pensaria no lanche. Assim garanti que não me iria esquecer de tomar o meu iogurte.

Quando o meu marido me falou em irmos de férias alguns dias, a primeira coisa que me ocorreu foi: “Ah, e agora como vou lanchar todos os dias o meu iogurte?” Imediatamente resolvi levar os iogurtes numa lancheira térmica. E assim foi. Tomava diariamente o meu iogurte, mesmo estando de férias. Era fácil!

Quando terminei o desafio das 3 semanas do programa da Becel fui novamente fazer análises. Resultado: Maior do que a surpresa que tive ao descobrir os valores de colesterol elevados, foi a surpresa que tive quando reduzi os valores de colesterol em 15%. Nem queria acreditar. Até parece cliché!! Mas é a verdade. Tinha mesmo resultado. Afinal não iria precisar de tomar nenhuma medicação com todos os efeitos secundários que eles me poderiam trazer. Estava em pulgas para transmitir à minha nutricionista os resultados. Yupii!! Que bom!! Não cabia em mim de contente. Uma experiência realmente fabulosa e muito, muito compensadora.

Experimente!! O que tem a perder?''

 

PATRICIA PINTO,

COLESTEROL ANTES: 210 >> COLESTEROL DEPOIS: 175


''Uma história familiar de colesterol alto, um futuro assustador, a vontade de querer fintar o destino e a confiança na marca Becel.

Da conjugação de todos estes fatores, nasceu, para mim, o desafio de redução de colesterol - uma das melhores decisões que até agora já tomei, porque os resultados saltam à vista!

Graças à Becel, a uma alimentação equilibrada e a algum exercício físico regular, o meu colesterol baixou muito mais do que o expectável e para níveis que nunca pensei atingir - 175!

Becel foi o passo decisivo, para tornar-me uma pessoa mais ativa, mais alegre e mais saudável!!!''

 

PAULO,

COLESTEROL ANTES: 264 >> COLESTEROL DEPOIS: 200


''Quando fiz análises e vi o resultado, fiquei surpreendido com os meus níveis de colesterol. Daí que tive de tomar uma providência. Assim, comecei a ter mais cuidado com a alimentação, a consumir Becel pro.activ para o colesterol, bem como óleo Becel. Antes consumia manteiga de vaca que era rica em gordura. Após 1 mês sensivelmente, baixei os meus níveis de colesterol.''

 

PEDRO,

COLESTEROL ANTES: 213 >> COLESTEROL DEPOIS: 199


''Chamo-me Pedro, tenho 45 anos, costumo fazer análises com regularidade, (de 6 em 6 meses), e sabia que tinha os valores do colesterol um pouco acima dos valores de referência. Quando me foi proposto este desafio Becel pro.activ não hesitei em aceitar, pois tinha todo o interesse em baixar os meus níveis de colesterol.

Pratico natação duas a três vezes por semana e tento, sempre que possível, fazer uma alimentação saudável, rica em legumes, fruta e fibras. Durante as 3 semanas que tomei Becel pro.activ não alterei os meus hábitos alimentares e, para minha surpresa, 3 semanas depois os valores do meu colesterol tinham baixado.''

 

SOFIA MESSIAS,

COLESTEROL ANTES: 234 >> COLESTEROL DEPOIS: 197


''Porque, para mim, a saúde é o mais importante. Porque a saúde de quem amo, deixa-me feliz e com saúde. E, porque tendo um aliado como a Becel, torna-se mais fácil de atingir objetivos saudáveis!

A história que vou partilhar, não é sobre o meu índice de colesterol mas é como se fosse: é sobre a minha avó.

A minha avó tem 89 anos e como alentejana que é, gosta muito de um bom petisco. No entanto, descobrimos que ela tinha o colesterol bastante elevado e, por isso, decidi guiá-la neste desafio.

Juntar a Becel ProActiv às torradinhas de pão alentejano e beber aqueles deliciosos iogurtes de morango Becel ProActiv, foi facílimo.

Além disso, tentei com que ela fizesse mais exercício, isto claro está, dentro das limitações dos seus bonitos 89 anos.

Ela adorou o desafio e o resultado, após as 3 semanas, saltou à vista: de 234 passou para 197! O coração dela agradece e o meu também!''